05 agosto 2010

Estudo de uma Casa em Álcacer do Sal

1 comentário:

Anónimo disse...

Querido Thiago Braddell
Agradeço-lhe do fundo do meu coração por ter partilhado connosco o seu trabalho e os seus projectos que tanto desejava ver.
Sonho um dia ser muito muito rica para lhe pedir para criar mundos lindos e fazermos um Portugal mais sorridente.
Desejo que viva muitos anos e com muita saúde e muita juventude para poder continuar a dar o seu talento a Portugal e ao Mundo.
Quando eu era pequenina, perguntava-me sempre porque é que as pessoas antigas ocnseguiam fazer coisas tão bonitas e as pessoas novas só faziam coisas feias. REferia-me à arquitectura, uma vez que sempre visitei os monumentos mais lindos da Europa e de Portugal desde criança. Não percebia o que é que se tinha passado com os seres humanos para terem perdido a capacidade de fazer coisas bonitas.
Quando conheci o seu trabalho descobri, "Ah, afinal há pelo menos um que ainda cosegue - Thiago Braddell". Entretanto´já descobri construtores e arquitectos no estrangeiro a fazer coisas transcendentes de belas, harmoniosas e equilibradas, mas como cada ser humano é único, "Braddell é Braddell" e é único, maravilhoso e fundamental a Portugal e ao Mundo.
ISabel